Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 5733
RESULTADO RUIM

CRB PERDE PARA O FORTALEZA NO JOGO DE IDA DA DECISÃO DA COPA DO NE: 2 A 0

No duelo de volta, Galo precisa vencer por dois gols de diferença para levar a decisão para os pênaltis

Por Fernanda Medeiros | Edição do dia 06/06/2024

Matéria atualizada em 06/06/2024 às 04h00

No Castelão, CRB não se deu bem contra o Fortaleza na partida de ida da finalíssima do Nordestão
No Castelão, CRB não se deu bem contra o Fortaleza na partida de ida da finalíssima do Nordestão | Pequeno Fotos

O CRB não se deu bem contra o Fortaleza, na partida de ida da grande decisão da Copa do Nordeste, e perdeu por 2 a 0. O duelo foi disputado na noite dessa quarta (5), na Arena Castelão lotada, no Ceará.

Os gols foram assinalados por Moisés e Lucero, para o Fortaleza, no 1º tempo. O Galo até fez o seu gol, aos 41min da 2ª etapa, com Anselmo Ramon, mas o árbitro assinalou impedimento.

Com esse resultado, o Leão leva a vantagem para o jogo da volta, ou seja, pode perder por um gol de diferença. Caso seja 2 a 0 para o Galo, a disputa vai para os pênaltis.

A grande decisão já será disputada no domingo (9), às 16h30, no Rei Pelé, em Maceió, que deve ficar lotado, para os torcedores regatianos apoiarem sua equipe.

COMO FOI

Aos 9 minutos, quase saiu o gol do Fortaleza, com Tinga, que tentou encobrir o goleiro, mas Matheus Albino defendeu. Aos 11’, em outra tentativa do time cearense, Brítez tentou cruzar pela direita, mas a defesa afastou.

O tempo passava e o Fortaleza pressionava. Aos 13min, Pochettino cruzou e ganhou o escanteio. Na cobrança, a zaga regatiana tirou e o Galo foi no contra-ataque, mas Labandeira saiu com bola e tudo. Passando dos 20 minutos, o CRB, em uma boa jogada de ataque, chegou com perigo, após cruzamento de Labandeira na área, mas a defesa tirou.

O Fortaleza quase fez o primeiro, aos 35min, mas, para a sorte regatiana, a bola de Moisés, que passou por toda defesa alvirrubra, bateu na trave e foi pela linha de fundo. Aos 40’, porém, veio o castigo. Após bobeira da defesa do CRB, Moisés passou por todo mundo e deslocou o goleiro, guardando no fundo da rede: 1 a 0. Aos 48’, veio o segundo: Tinga cruzou na medida para Lucero apenas fazer o golzinho dele na partida: 2 a 0.

O 2º tempo, chegava aos 20 minutos e o Galo passou a pressionar, em busca do resultado. E quase saiu o gol, aos 22’, mas a pelota chutada por Gegê foi por cima da trave. Aos 28’, por pouco não saiu o gol do Fortaleza, quando Lucero passou por dois marcadores do Galo e chutou, mas Matheus Albino salvou.

No finalzinho, aos 39min, o time regatiano teve uma falta a ser cobrada na área, mas João Ricardo mandou para fora. O Galo até fez o gol, aos 41min, com Anselmo Ramon, mas o árbitro deu impedimento e não valeu.

O jogo passava dos 45 minutos, o árbitro assinalou 5 de acréscimos. O Leão ainda teve uma falta em seu favor, mas na cobrança a bola foi direto para fora. E, aos 50 minutos, o jogo foi finalizado, com a vitória do Leão definida: 2 a 0.

Mais matérias desta edição