Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Cidades

AL REGISTRA MAIS 248 CASOS E 13 ÓBITOS POR COVID; HÁ 8,2 MIL EXAMES EM ANDAMENTO

.

Por rayssa cavalcante | Edição do dia 24/07/2021

Matéria atualizada em 24/07/2021 às 00h33

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), de sexta-feira (23), confirma 248 novos casos e 13 óbitos por Covid-19 em Alagoas.

Oficialmente, o Estado tem 227,3 mil notificações e 5.711 mil mortes. Mais de 219,5 mil pacientes estão recuperados da doença e há 8,2 mil casos em investigação epidemiológica.

Os óbitos e casos confirmados de pessoas com a Covid-19 estão distribuídos nos 102 municípios alagoanos e, das 5.703 mortes de pessoas residentes em Alagoas, 3.169 eram do sexo masculino e 2.534 do sexo feminino. Eram 2.480 pessoas que residiam em Maceió e as outras 3.223 moravam no interior do Estado.

Das treze mortes confirmadas nas últimas horas, duas eram da capital alagoana (um homem de 87 anos e uma mulher de 82 anos) e 11 do interior (eram cinco homens de 54, 58, 60, 82 e 89 anos, além de seis mulheres de 50, 52, 65, 72, 89 e 90 anos).

Na capital, o homem de 87 anos era diabético, renal crônico e morreu no Hospital do Coração de Alagoas, em Maceió; e a mulher de 82 anos não tinha comorbidades e morreu em seu domicílio.


INTERIOR

Sobre as vítimas do interior, o homem de 54 anos, residia em Arapiraca, não tinha comorbidades e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o homem de 58 anos, morava em Coruripe, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Carvalho Beltrão, em Coruripe; o homem de 60 anos, era de Paripueira, tinha hipertensão, diabetes e morreu no Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), em Maceió; o homem de 82 anos, era de Igreja Nova, não tinha comorbidades e morreu na Unidade de Emergência, em Igreja Nova; o homem de 89 anos, residia em Palmeira dos Índios, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Regional, em Arapiraca.

*Com assessoria

Mais matérias desta edição