Maceió,
Nº 0
Fatos & Notícias

Confira os destaques da política alagoana #FN28072020

.

Por FATOS & NOTÍCIAS | Edição do dia 28/07/2020

Matéria atualizada em 27/07/2020 às 22h38

Centenas de moradores do bairro do Pinheiro não estão nada satisfeitos com a proposta de acordo da Braskem, em que concede R$ 1 mil para locação de imóveis, enquanto estuda a passos de tartaruga as indenizações.

Com esse dinheiro, não é o caso da maioria, não se consegue alugar uma casa nas mesmas condições de onde o morador estava. Ou seja, recursos insuficientes para, momentaneamente, ter o mesmo espaço e padrão de vida do que tinha antes.

Muitos, indignados, já procuraram a Justiça, que deve decidir como a Braskem deve se comportar nessa Programa de Compensação Financeira e Apoio à Relocação, embora alguns órgãos públicos possam rever essa programação que tem sido motivo de revolta para todos os atingidos pelos problemas geológicos provocados pela mineração.


GOLPE

Para moradores revoltados com esse auxílio-aluguel, mesmo definido em acordo com as autoridades, isso cheira a golpe baixo. A ajuda, alegam eles, deveria ser proporcional ao padrão dos imóveis onde eles residiam

INDENIZAÇÕES

Se, com o auxílio-aluguel, a Braskem está levando vantagem, imagine com as indenizações, reclamam os moradores do Pinheiro e outros bairros atingidos pelo desastre geológico. Eles acreditam que, se não houver uma reação de parte da população e exigência da Justiça, todos irão sair no prejuízo..

MIGRANDO

A preocupação maior é de que as rachaduras e fissuras venham a se alastrar, como previsto, para outras ruas do Pinheiro e de outros bairros, o que pode evoluir os problemas e da possibilidade de afundamento das áreas.

SIMULAÇÃO

A situação é considerada tão grave, que, na semana que passou, ocorreu uma reunião no comando do 59º Batalhão de Infantaria Motorizada com todos os órgãos envolvidos no problema, para planejar outra simulação de resgate da população em caso de desastre na região

DEFESA CIVIL

A reunião realizada no Quartel teve a coordenação da Defesa Civil e diversos órgãos civis e militares. A simulação está prevista para o próximo mês de agosto, mas a data ainda não foi definida.

MAIS LIXO

No primeiro fim de semana da fase amarela do Distanciamento Social Controlado em Maceió, 43 toneladas de resíduos sólidos foram coletadas na orla marítima, de acordo com os agentes de limpeza da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes). Se comparado com o fim de semana anterior, quando foram coletadas 30 toneladas, o aumento foi de 43,3%.

SUJEIRA

De acordo com informações da Sudes, a maior parte dos resíduos encontrados foi deixada na faixa de areia da praia, provenientes do consumo por parte da população e descartados de maneira irregular, um velho e condenável hábito.

RECEITAS

O presidente Jair Bolsonaro sancionou ontem o Projeto de Lei 848/2020, que determina que receitas médicas ou odontológicas sujeitas a prescrição e de uso contínuo tenham prazo de validade indeterminado. As regras valem para o período da pandemia no País e não incluem medicamentos de uso controlado, como tarja preta e antibióticos. O projeto foi originário da Câmara dos Deputados e foi aprovado no Senado no início de julho. A sanção será publicada no Diário Oficial da União de hoje.


» De forma online e com transmissão ao vivo pelas redes sociais da Prefeitura de Maceió, a Seminfra e a Caixa Econômica Federal vão fazer o sorteio das unidades habitacionais do Vale Bentes I na quinta-feira (30), às 9h30.

» O Vale Bentes I será destinado a 500 famílias que foram afetadas pelas fortes chuvas que atingiram Maceió em 2017 e que vivem em áreas de risco.

» Começam hoje e seguem até 31 de julho, pelo site as inscrições no processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), para o 2º semestre de 2020. O resultado será divulgado no dia 4 de agosto. Pelo cronograma, o período para complementação da inscrição dos candidatos pré-selecionados será do dia 4 até 6 de agosto.

Mais matérias desta edição