Gazeta de Alagoas
Pesquise na Gazeta
Maceió,
Nº 0
Mercado Alagoas

Confira os destaques da economia alagoana #MA20012022

.

Por Edivaldo Junior | Edição do dia 20/01/2022

Matéria atualizada em 19/01/2022 às 21h49

Carga

A Secretaria de Educação do Estado vai lançar até a primeira quinzena de fevereiro o edital que possibilita que professores com carga horária de 20 horas possam ampliar sua jornada para 30 horas semanais.


Adequada

O secretário de Educação de Alagoas, Rafael Brito, explica que a carga de 30 horas é considerada a melhor, tanto para o professor quanto para as escolas da rede estadual de ensino. “Isso permite que ele tenha uma jornada completa durante a semana na sala de aula, com tempo para os trabalhos extraescolares”, pontua.


Público

Atualmente, existem na rede estadual de ensino cerca de 2,9 mil profissionais “elegíveis” para a ampliação de 50% da jornada de trabalho, com o consequente aumento da remuneração. O aumento da carga é proporcional ao aumento da remuneração do professor.


Critérios

O edital, adianta o secretário, terá critérios para a adesão dos professores. “Os critérios e vagas serão estabelecidos no edital. Na avaliação inicial da nossa equipe técnica, poderemos ter até 2,6 mil servidores mudando o seu contrato de 20 para 30 horas”, pondera.


Biodiesel

O governo federal decidiu manter em 10% o teor na mistura de biodiesel ao óleo diesel ao longo de 2022, diante de um aumento do preço do biocombustível, informou o Ministério de Minas e Energia em nota. A decisão foi anunciada em novembro, mas a indústria de biodiesel ainda buscava uma reversão da medida.


CO2

Uma startup brasileira anunciou o mapeamento genético do solo brasileiro. O projeto, chamado de Agro Bioma Brasil, prevê a avaliação de cinco milhões de hectares no país, com investimento de R$ 29 milhões ao longo de três anos.


Soja

A consultoria Spark Inteligência Estratégica anunciou uma nova edição do levantamento sobre o mercado de nutrição da soja brasileira, que começa a ser estruturado este mês, depois de concluir a edição do Business Inteligence Panel (BIP) referente à safra 2020-21. O estudo apurou, então, uma movimentação acima de US$ 7,8 bilhões no segmento.


Café

Os produtores de café deverão colher este ano a terceira maior safra do grão da história. A produção esperada é de 55,7 milhões de sacas de 60 quilos. Caso confirmada, representa um acréscimo de 16,8% em comparação com 2021 (47,72 milhões de sacas). O aumento já era esperado devido à temporada anterior ser de bienalidade negativa para a cultura. O resultado só não é melhor que os desempenhos registrados nos anos de 2020 e 2018, as duas últimas safras de bienalidade positiva, informa a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que divulgou ontem a primeira estimativa para a safra 2022 de café.


Milho

A quarta-feira (19) chegou ao final com os preços futuros do milho seguindo o caminho altista na Bolsa Brasileira (B3) e encostando aos R$ 100,00, a saca. O vencimento março/22 foi cotado a R$ 99,99 com elevação de 0,59%, o maio/22 valeu R$ 97,38 com valorização de 1,02%, o julho/22 foi negociado por R$ 90,51 com alta de 0,29% e o setembro/22 teve valor de R$ 89,88 com ganho de 0,64%.


COP-26

Compromisso firmado pelo Brasil e outros 100 países durante a COP-26, a redução de emissões de metano no setor agropecuário ganhou reforço. Nesta semana, o Fundo Verde do Clima (GCF, sigla em inglês) apresentou projeto para buscar reduzir as emissões de metano da pecuária das Américas, em iniciativa que será financiada com recursos da ordem de US$ 100 milhões.


No Sertão

O Super Torneio Leiteiro do Sertão de Alagoas está chegando. O evento ofertará prêmio em dinheiro no montante de R$ 23 mil. As disputas acontecem na próxima semana, de 26 a 28 de janeiro, no Parque Mair Amaral, em Batalha. O primeiro colocado ganhará o valor de R$ 5 mil e o vice-campeão, R$ 3 mil.

Mais matérias desta edição